Ocorreu um erro neste gadget

segunda-feira, 1 de outubro de 2007

mesmo assim eu fui à luta... eu quis PAGAR PRA VER!!!

eu me lembro muito bem,
como se fosse amanhã
o sol nascendo sem saber
o que iria iluminar
eu abri meu coração como se fosse um motor
e na hora de voltar
sobravam peças pelo chão

mesmo assim eu fui à luta...
eu quis pagar pra ver

aonde leva essa loucura
qual é a lógica do sistema
onde estavam as armas químicas
o que diziam os poemas

afinal de contaso que nos trouxe até aqui, medo ou coragem?
talvez nenhum dos dois
sopra o vento um carro passa pela praça
e já foi... já foi por acaso eu fui à luta... eu quis pagar pra ver


(armas químicas e poemas - engenheiros do hawaii)

Nenhum comentário:

Nenhum de Nós

Nenhum de Nós